quinta-feira, 31 de dezembro de 2020

Lidiane Leite abre seu coração para seus seguidores


 Oi gente,

2020 está acabando. Muita gente morreu, mais de 150.000 de histórias se perderam e hoje muitas famílias não vão comemorar o Ano Novo. Foi um ano muito duro, difícil e de muita luta.

Esse ano trabalhei online realizando workshops e palestras. Criei o canal do youtube e os grupos de WhatsApp. Também no segundo semestre lance 2 livros-caixinhas pela Editora Matrix.

Termino esse ano agradecendo muito a Deus por tudo que recebi e desejo do fundo do meu coração que 2021 seja diferente e que esse próximo ano seja de vitórias e de conquistas.

Quero pedir para todos ficarem em casa, não se aglomerar e nem viajar. Vamos nos proteger e proteger quem amamos, Vamos usar as máscaras corretamente e lavar as mãos.  

BOAS FESTAS E FELIZ 2021! 

sábado, 5 de dezembro de 2020

Neuropsicopedagoga Lidiane Leite realiza workshop online sobre funções executivas


Informações:

  • Dia : 30/01/2021 - ( Sábado )
  • Horário: 09hs às 13hs
  • Ferramenta - Aplicativo Zoom
  • Valor: R$ 145,00  


Objetivos:

  • Identificar e explicar quais são as funções executivas básicas e complexas
  • Conscientizar a importância de desenvolver as funções executivas na primeira infância. 
  • Orientar atividades, estratégias e jogos para estimular as funções executivas

 

Público:

O Workshop é destinado a pais, educadores e profissionais. 


Observações:

  • Link para acessar o Workshop será enviado por email no dia 29.01.2021
  • O certificado de participação de 4 horas o aluno recebe no mesmo dia.
  • As inscrições vão encerrar no dia 18.01 ou quando preencher as vagas.

 

Desconto 

10%  ( participantes dos grupos de WhatsApp e seguidores do Instagram e do Youtube )

25% ( para 2 inscrições )


Forma de Pagamento: Depósito Bancário ou Transferência

Banco Bradesco - Agência: 7789  - Conta Corrente: 402634-9

Titular: Lidiane Leite


Para fazer sua inscrição, faça o depósito e preencha o formulário.

https://lidianeleite.com.br/formulario 

sábado, 28 de novembro de 2020

Lidiane Leite participa do Congresso de Alfabetização: da Ciência Cognitiva à Prática Escolar


 O Congresso aconteceu por meio de uma plataforma online,  nos dias 26, 27 e 28 de novembro.

Eu sou muito fã de todos. Parabéns para todos vocês, amei as palestras. Um super abraço para Dra. Alessandra Seabra, Dra. Ana Luiza Navas, Dr. Clay Brites,  Dra. Camila Leon,  Dra. Cíntia Salgado
Me. Gabriel Brito,  Dra. Maria Regina Maluf , Dra. Rochele Fonseca, Dra.. Rosângela Gabriel,  Luciana Brites e Me. Roselaine Pontes de Almeida.

Foi um super congresso, aprendi muito sobre alfabetização, tomei conhecimento de pesquisas atuais e recentes e foi muito bom participar porque compreendi melhor o processo de Alfabetização, por meio de métodos cientificamente comprovados por especialistas na área.

Eu adoro congresso, esperar o próximo em março de 2021.

Beijos 

domingo, 1 de novembro de 2020

Lidiane Leite recomenda 12 aplicativos para ajudar na alfabetização das crianças


Os aplicativos podem e devem ser usados no processo de alfabetização. Mas, nunca devem substituir a professora. Essa informação quem explica é a Neuropsicopedagoga Lidiane Leite. 

Segundo Lidiane, os aplicativos são ferramentas importantes na alfabetização. "Sempre oriento nos meus cursos e nas palestras que os aplicativos são ferramentas que tanto os pais e como os professores devem usar para complementar e reforçar a alfabetização. Esses recursos servem para agregar o ensino e nunca para substituir uma professora."
 
Para Lidiane Leite, esses recursos tecnológicos devem ser usados com muita sabedoria e com moderação. "Celular, tablet ou computador devem ser usados com moderação.  O segredo é controlar o tempo de uso para não prejudicar a saúde ocular das crianças. A cada dia que passa vem aumentando o número de crianças que estão usando colírios para lubrificar os olhos", explicou Lidiane. Ela ainda cita que a Sociedade Brasileira de Pediatria já enfatizou que até dois anos as crianças não devem usar celular, e de 3 a 5 anos é apenas uma hora de uso por dia.
 
 Lidiane separou uma lista com 12 aplicativos para contribuir na alfabetização.
 
1- Same Same - iOS | Android
2- Pebi Bath Lite -  iOS | Android
3- Abc Autismo - Android
4- Otsimo - Android
5- Rotina Divertida - Android
6- Jogos Educativos - Android
7- Abc nas Caixas - Android
8- Domlexia – iOS | Android
9- Silabando – iOS | Android
10- Mestre da Palavra – iOS | Android
11- ABC do Bita – iOS | Android
12- Edu Edu – iOS | Android

_________________________________________

Redes Sociais:

segunda-feira, 12 de outubro de 2020

Lidiane leite indica livros, aplicativos e jogos para brincar com as crianças



De acordo com a Neuropsicopedagoga Lidiane Leite devemos desenvolver consciência fonológica antes de apresentar as letras para as crianças. “As crianças precisam aprender que as letras têm sons, que existem palavras que começam com o mesmo som e outras palavras terminam com o mesmo som. Essa percepção dos sons, ou seja, essa sonoridade, tem que ser ensinado na primeira infância e  antes do processo de alfabetização. Por isso, é tão importante trabalhar rimas,  aliteração e segmentação silábica.“ 

Para Lidiane Leite, é muito importante trabalhar também na primeira infância, os pre-requisitos da matemática. “Muitas crianças têm dificuldade em calcular porque não possuem os pré-requisitos para desenvolver um raciocínio matemático, tais como: atenção sustentada e memória de trabalho. “
 
Lidiane Leite finaliza dizendo que 60% das crianças estão terminando o ensino fundamental I sem conseguir ler e escrever palavras bisilábica. Por isso, a especialista recomendando 5 livros, 5 jogos e 5 aplicativos que vão auxiliar e ajudar no processo de alfabetização.
 
Livros
01 - Livro-Caixinha Era uma vez  
02  - Livro O Prato de Trigo do Tigre
03-  Livro-Caixinha Trio de Rimas
04 - Livro-Caixinha Cadê o Resultado?
05 - Livro Eu conto!
 
Jogos
01 - Jogo Dança dos Ovos  
02 - Jogo Trava Letras
03 - Jogo Toca do Coelho
04 - Genius
05 - Hora do Rush  
 
Aplicativos
01 - Silabando
02 - Edu Edu
03 - Same Same
04 - Color Shape
05 - ABC nas Caixas
 

_________________________________________

Redes Sociais:

quinta-feira, 24 de setembro de 2020

Lidiane leite participa do 19 Congresso Internacional e Brasileiro de Neuropsicologia


 Oi gente,

Muito legal, vou participar de mais um congresso. Vou aprender bastante coisas para aplicar na clinica e compartilhar nos cursos com vocês.

Eu amo os palestrantes, todos eles eu recomendo e acompanho. Tais como: Caroline Cardoso,  Natália Dias, Andressa Moreira Antunes, Alessandra Seabra,  Tatiana Mecca. Rochele Paz Fonseca, Neander Abreu, Vitor Geraldi Haase, Nicolle Zimmerman, Annelise Júlio-Costa, Victor Pollignano Godoy e Andressa Hermes-Pereira.

Até o dia 08.10.2020 vou estar participando e vendo todas as lives. Tenho certeza que vou terminar o congresso, uma profissional bem melhor.

Eu sempre falo isso, não importa se somos especialistas, doutores ou mestres. Sempre temos algo novo apara aprender e se aperfeiçoar.

Beijosssssss

quarta-feira, 2 de setembro de 2020

Neuropsicopedagoga Lidiane Leite fala sobre panorama da alfabetização no Brasil



A qualidade da educação brasileira não vai muito bem e isso já é fato conhecido e sentido por todos. Segundo relatório da OCDE 2020 (Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico) mais de 34% dos estudantes brasileiros de até 15 anos repetiram de série pelo menos uma vez na vida. 

Em 2018, dados do Indicador de Alfabetismo Funcional (INAF), revelaram que 30% dos brasileiros entre 15 e 64 anos podem ser considerados analfabetos funcionais, e apenas 12% dos brasileiros nessa faixa são considerados leitores proficientes, com a habilidade de elaborar textos um pouco mais complexos (BRASIL, MEC, 2019). 

A situação é critica também quando analisamos os resultados da Avaliação Nacional de Alfabetização (ANA) do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisa (INEP), de 2017. Os dados revelam um percentual elevado de estudantes do 3 ano do Ensino Fundamental com níveis insuficientes em leitura (54,7%) e em escrita (33,9%). 

Desde que o PISA (Programa Internacional de Avaliação de Alunos) foi implantado em 2000, o Brasil vem ocupando as últimas posições nos rankings internacionais. Em 2018 ocupou a 57º posição em proficiência em leitura, dos 77 países avaliados pelo (PISA).

O panorama aqui apresentado revela a triste realidade brasileira, evidenciada por índices alarmantes, apontando a ineficácia do sistema educacional brasileiro, especialmente nas escolas públicas (INEP, 2020).  

Os resultados recentes de avaliações nacionais e internacionais têm demonstrado que os alunos brasileiros vêm constantemente ficando muito aquém do é esperado para a linguagem escrita .Esses dados mostram que os déficits em escrita, representam uma das principais dificuldades enfrentadas atualmente pelos estudantes brasileiros. Por fim, esses números explicam o quão grave é o contexto da educação brasileira e a necessidade das contribuições da ciência para a alfabetização.

quinta-feira, 20 de agosto de 2020

Workshop Oline com Lidiane Leite em Outubro - Vagas Limitadas


Informações:
  • Dia : 03/10/2020 - ( Sábado ) 
  • Horário: 9h ás 12h:30
  • Formato: Workshop Remoto - Ferramenta Zoom
  • Ministrado pela Profa. Lidiane Leite

Temas:
  • Brincadeiras e jogos para desenvolver os pré-requisitos da leitura, da escrita e da matemática.
  • Atividades simples e divertidas para preparar e potencializar o cérebro das crianças para o processo de alfabetização.

Público:
O Workshop é destinado a pais, educadores, profissionais da saúde e demais interessados em conhecer sobre esses temas.

Palestrante:  Lidiane Leite, pedagoga, especialista em Neuropsicopedagogia Institucional e Clínica pela Universidade UNIP. Atualmente cursando a especialização psicomotricidade no Instituto Grupo Eficiente.

    Observações:
    • Link para acessar o Workshop e apostila liberado após Credenciamento via email
    • As incrições vão encerrar no dia 30.09.2020 ou quando preencher todas as vagas .
    • Todos participantes vão ganhar um brinde. ( Lembrando que devido pandemia correio vem entregando com atraso)
    • Sorteios surpresas

    Inscrição pelo site: 

    segunda-feira, 10 de agosto de 2020

    Neuropsicopedagoga Lidiane Leite fala sobre o segundo semestre de 2020.


    Oi Pessoal,

    Saudades de vocês.  Estou bem apesar da desse isolamento. Clínica continua fechada. 

    Estou muito feliz, estou viva e com saúde. Meus amigos e minha família também.

    E dia 14, é meu aniversário, mais um ano de vida. Por essa razão, decidi ir no salão e cortar o cabelo para dar uma renovada no visual.

    Tenho muitas coisas para agradecer, inclusive o sucesso do canal do Youtube que passamos de 7.500 pessoas inscritas. Sem contar o lançamento do meu livro-caixinha "Cadê o Resultado?". Um jogo que vai ajudar a desenvolver o senso numérico e o raciocínio matemático.

    Enfim, esse semestre vamos ter muitas outras novidades e acontecimentos se Deus quiser.

    Um super beijo para todos 

    quarta-feira, 8 de julho de 2020

    Neuropsicopedagoga Lidiane Leite manda um recado para seus seguidores


    Oi pessoal, estou em casa estudando e gravando os vídeos para o canal do Youtube. 

    Venho pedir mais uma vez que todo mundo use as máscaras quando sair de casa, evitem por favor aglomerações, lavem as mãos e respeitem a quarentena.

    Vamos fazer a nossa parte e dar bons exemplos. Usar máscara salva vidas. Temos que reduzir o número de mortes no Brasil. 

    Abraços para todos 


    segunda-feira, 29 de junho de 2020

    Neuropsicopedagoga Lidiane Leite alerta que as aulas online podem prejudicar as crianças


    Com a pandemia do coronavírus obrigando as escolas e creches a permanecerem de portas fechadas, muitas pais estão tendo que lidar com o desafio de cuidar das crianças em casa.

    Em algumas instituições de ensino, as aulas online foram adotadas como forma de dar continuidade ao ano letivo. No entanto, de acordo com a neuropsicopedagoga Lidiane Leite, as aulas digitais podem prejudicar o desenvolvimento das crianças.

    “Esse modelo não é o ideal para as crianças, pois na primeira infância é preciso que elas brinquem, desenvolvam todas as bases psicomotoras e realizem atividades multisensoriais para aumentar arquitetura cerebral delas. Crianças precisam de estímulos e ficar em frente ao celular leva a uma passividade e um isolamento que não é o ideal”, explicou Lidiane. 

    Diante da falta de alternativas neste período, Lidiane deu dicas para ajudar as crianças a manterem o foco nas aulas digitais. “A primeira dica é vestir o uniforme na criança, como se ela fosse para a escola mesmo. A segunda é preparar o ambiente em que ela vai estudar, deixando apenas os objetos que ela vai utilizar, assim ela terá menos distrações. Por fim, os pais devem evitar fica assistindo a aula junto com os filhos. Deixem a criança ter esse momento com a professora”, comentou.

    A neuropsicopedagoga também afirma que a tecnologia pode ser uma aliada na educação se utilizada da maneira correta. “É preciso achar o ponto de equilíbrio. Se a aula tiver uma hora, por exemplo, nos primeiros 30 minutos deve-se passar a matéria e nos outros colocar a criança para brincar em um jogo educativo. A tecnologia deve complementar e não substituir a aula”, afirmou. Lidiane ainda pede para que os pais fiquem atentos com que os filhos acessam na internet e deixou algumas sugestões de atividades que os pais podem fazer com as crianças durante a quarentena:

    Aos dois anos: 
    - Amassar jornal e encher sacos de lixo preto, 
    - Espremer buchas molhadas em recipientes grandes, 
    - Fazer pintura com o pente de cabelo fino e 
    - Manipular com as mãos texturas, como: espuma de barbear, maisena, sagu e gel.

    Aos três anos: 
    - Com uma colher fazer a criança tirar objetos pequenos como tampinha de garrafa pet de um recipiente e levar sem derrubar para outro recipiente; 
    - Rasgar papéis velhos e colocar os pedaços dos papéis dentro da garrafa pet; 
    - Fazer a criança tirar a água de uma vasilha e jogar a água em outra vasilha; 
    - Prender os pregadores de roupas na lateral de um pote plástico.

    Aos quatro anos: 
    Prenda 3 tiras de papeis e a criança vai ter que fazer uma trança com elas; Separar objetos por cor, tamanho e forma; 
    Fazer dobraduras, como chapéu e aviãozinho; 
    Aproveitar esponjas e batatas para fazer carimbos diferentes.

    Aos cinco anos: 
    - Fazer recortes contínuos (linha reta) e recortes arredondados; 
    - Enfiar linha na agulha sem ponta; 
    - Fazer castelos de cartas de baralho; 
    - Fazer nó e laço com cordas grandes.

    sexta-feira, 29 de maio de 2020

    Lidiane Leite cria jogos online com o tema "Festa Junina"

     


    No próximo mês é festa junina, então aproveitem esses jogos online gratuitamente para brincar com as crianças. 

    Esses jogos eu criei para ajudar na alfabetização e complementar os estudos. 

    A cada dia que passa mais e mais crianças estão usando colírios. Por isso, siga todos as recomendações da Sociedade Brasileira de Pediatria. Use a internet com responsabilidade. 











    segunda-feira, 25 de maio de 2020

    Aproveitando a pandemia para ler os livros da Editora Matrix

    Oi gente,

    Estou aproveitando esse momento de pandemia lendo livros e estudando.

    Esse livro que estou lendo é sensacional para as crianças.

    Autor: Paulo Tadeu
    Titulo: O Prato de Trigo do Tigre
    Editora Matrix 

    Fiquem em casa, se protejam e se cuidem.
    Evitem aglomerações. Proteja quem você ama ficando em casa.


    segunda-feira, 4 de maio de 2020

    Comunicado Importante - Atividades canceladas durante a pandemia

    Comunicado Importante

    Desde o dia 16.03.2020 suspendemos as atividades devido aos últimos acontecimentos relacionados com o COVID-19.

    Vamos continuar com a clínica fechada de forma preventiva, até a situação melhorar. Vamos lavar as mãos, evitar aglomerações e sair de casa somente quando for urgente.

    Agradecemos, desde já, a vossa compreensão. 

    sexta-feira, 3 de abril de 2020

    Lidianae Leite fala sobre a neurociência na educação infantil



    Segundo o Pubmed, uma das bases de dados mais utilizados e confiáveis para pesquisa, foram publicados mais de 6.000 artigos sobre alfabetização e mais de 13.000 artigos sobre neurobiologia e ciência cognitiva da leitura e da escrita de 2000 a 2020.

    Apesar dessa aproximação entre neurociência e educação ocorrer no campo da pesquisa, o mesmo parece não ter ocorrido na mesma intensidade na prática em sala de aula. Dados do censo escolar de 2018 revelam que 3.915.699 crianças brasileiras matriculadas em pré-escolas poderiam ser beneficiadas com ações baseadas em conhecimentos científicos. 

    No Brasil, não são considerados as recentes contribuições da neurociência cognitiva sobre o funcionamento do cérebro pela maioria dos métodos atualmente adotados . É preciso que os cursos de formação de professores propiciem conhecimento cientifico baseado em evidências, sobretudo no que diz respeito ao ensino e aprendizagem. 

    Portanto, os sistemas educacionais precisam oferecer práticas eficientes de ensino para favorecer a melhor aprendizagem. 

    Por fim, termino com a frase do Educador e Pedagogo português Jose Pacheco, “hoje temos crianças do século 21, sendo educadas por professores do século 20, com métodos pedagógicos do século 19.

    segunda-feira, 16 de março de 2020

    Lidiane Leite se matriculou no Isntituto Grupo Eficiente


    Oi gente,

    Hoje assinei o contrato aqui no Instituto Grupo Eficiente, paguei o boleto e fiz a minha matrícula.

    Muito feliz não vejo a hora de começar as aulas. Viva !!!

    Agora além de ser Neuropsicopedagoga se Deus quiser e permitir vou ser também psicomotricista.Façsm suas reservas no site pois 2022 vou atender vocês. 

    Tenho certeza que essa especialização vai agregar e aperfeiçoar muito o meu trabalho. Sei que irei cada vez mais  me tornar uma profissional competente e criteriosa. 

    Sigo meu caminho, com respeito, profissionalismo, ternura e dentro dos princípios éticos da minha profissão.

    Um grande abraço para todos.

    sábado, 1 de fevereiro de 2020

    Lidiane Leite vai estudar em 2020 psicomotricidade


    Oi gente

    A pós acabou. Mas nunca podemos parar de se aperfeiçoar, por isso decidi que não vou parar de estudar.

    É com muita alegria e felicidade que irei fazer uma nova pós no Instituto Grupo Eficiente - Polo Campo Belo.

    Vão ser dois anos novamente estudando e me aperfeiçoando para atender melhor as crianças e adolescentes.

    Adorei a grade e o curso eu amei.  Agora é trabalhar pra poder pagar o boleto e me matricular.

    Com certeza vou ter aulas incríveis com:

    • Prof. Dr. Rubens Wajnsztejn (Neurologista) – FMABC;
    • Prof. Ms. Silvia Baltieri (Psicomotricista) – FMABC;
    • Prof. Dr. Miguel Angelo Boarati;
    • Profa. Ms. Lilian Chateau (Fisioterapeuta, Psicomotricista);
    • Prof. Dr. Dráuzio Viegas (Pediatra) – FMABC;
    • Prof. Dr. Fernando Nório Arita (Neuropediatra) – Santa Casa SP;
    • Profa. Dra. Marlene Busetti (Neuroanatomia) – FMABC;
    • Profa. Ms. Daniella Pereira Robbi (Psicopedagoga);
    • Prof. Esp. Amanda Fernaine Drager (Terapeuta Ocupacional);
    • Dra. Tais Schiavinato Chiarinelli (Fisioterapeuta, Psicomotricista);

    sábado, 18 de janeiro de 2020

    Lidiane Leite está feliz com seu trabalho e com sua nova formação.



    Estou muito feliz de estar formada, ter meu carimbo e dizer que hoje eu sou uma neuropsicopedagoga. 
    Faço o meu trabalho com respeito, ternura e dentro dos princípios éticos da nossa profissão.

    Concordo com o trecho do livro da Fátima Ap. Gonçalves, “Na infância contemporânea, a criança faz menor uso do seu corpo em explorações no espaço e na manipulação de objetos no seu entorno social. Em contrapartida a isto, os currículos escolares propõe o início da escrita bastão e cursiva cada vez mais cedo, normalmente em uma fase em que as crianças ainda não estão com a maturidade neuropsicomotora desenvolvida para tal”. 

    Minha missão vai ser sempre:
    - Contribuir para um Brasil mais forte 
    - Dar orientações e dicas para ajudar as crianças e adolescestes no processo de aprendizagem e assim contribuir no desenvolvimento de suas habilidades e funções.

    Vou realizar a minha missão  seguindo esses pilares :
    RESPEITO e ÉTICA
    TRANSPARÊNCIA  e AMOR
    DEDICAÇÃO e COMPROMETIMENTO
    PACIÊNCIA e POSITIVIDADE 
    HONESTIDADE e PROFISSIONALISMO
    COMPETÊNCIA e CREDIBILIDADE